InícioPortalFAQBuscarMembrosGruposRegistrar-seLogin

Compartilhe | 
 

 Union Rangers

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
~maa-chan~
Não tenho segredos
Não tenho segredos


Feminino Número de Mensagens : 778
Localização : Em qualquer lugar aonde tenha música
Data de inscrição : 25/06/2008

MensagemAssunto: Re: Union Rangers   Sab 5 Jul 2008 - 12:25

Yo!
Ficou legal! Dá pra fazer uma boa história!
Mas tenta não colocar muito a SUA opinião - um writter não pode colocar a sua opinião na história que está escrevendo, pelo menos não diretamente - e vai colocando o nome dos personagens de acordo com o descorrer do enredo, não coloca tudo de uma vez.
xD
Mas não desanima não!!!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Knuckles
V.I.P
V.I.P


Masculino Número de Mensagens : 202
Idade : 28
Localização : São Paulo
Data de inscrição : 25/06/2008

MensagemAssunto: Re: Union Rangers   Sab 5 Jul 2008 - 12:54

ow, valeu as dicas, vou usa-las na próxima vez que escrever

essa já está pronta, com 19 capítulos, e alguns prologos ^^'
eu vou continuar postando se o pessoal agitar

e eu coloquei todos os personagens de uma vez só por serem da turma, ia ficar ruim colocá-los aos poucos

enfim, vou postar outra parte
flw o/

---

Prólogo
Parte 02 – Ying-Yang Brothers.

Beto chega em casa após receber os poderes do Poderoso Union, e corre para contar ao seu irmão.
Beto – Naldo! Naldo! Tenho uma coisa para te contar cara! Você não vai acreditar! É muito legal cara!
Naldo – Já sei! Você ta namorando!
Beto – Não! É algo que talvez seja melhor!
Então Beto conta ao seu irmão o que ocorrera de manha no colégio.
Naldo – Então dá logo o meu poder aqui, vai!
Beto – Já que não posso ficar com os dois, toma ai seu orbe com o poder.
Naldo – O que eu faço agora?!
Beto – Sei lá! Levanta algo com o poder da mente.
Naldo – (Olhar maligno)
Beto – O que você ta pensando? Que olhar é esse? EI! Me bota no chão!!!
Naldo – Nem é tão difícil! Hehehe, e você ainda é levinho.
Beto – Minha vez! (‘tchunf’) – e desaparece
Naldo – TINHO!!! Cadê você?
Beto – (‘tchunf’) Aqui! (e aparece atrás do Naldo e lhe dá um baita cascudo) - esqueceu rapaz? Eu me teletransporto e fico invisível. Huahuahuahauha!!!
Naldo – E como você ataca?
Beto – Ah! Eu posso.... er... mas eu consigo... droga! Que poder inútil numa luta... só posso fugir... =(
Naldo – Hhuahauhauhauha, só fugir? Covarde!!! XD
Beto – Posso ser um espião, e ai? Ninguém me vê, ninguém me segura, hehehe.
Naldo – Convencido. -_-‘
Beto – Vou almoçar, depois a gente treina mais.
Naldo – OK!
Mal sabiam nossos heróis, que ambos entrariam realmente em ação naquele mesmo final de semana.
Naquele sábado, Naldo está fazendo o que sempre faz aos sábados de sol (chuva, vento ou seja lá que clima seja), jogando no computador.
Roberto entra no quarto:
Beto – Hey Naldo! Desliga ai, temos que comprar umas coisas. Venha!
Naldo – Pêra, to numa missão aqui com uma “party” da Coréia, ta todo mundo bombado nas armas, e eu to com uma “elemental +10 plus alpha delux.”
Beto – Eu já disse que não entendo nada disso. Vamos logo, tenho um pressentimento que iremos usar nossos poderes numa batalha real.
Naldo – Nossa! Não acredito!!!
Beto – É só um pressentimento, não é certeza.
Naldo – Não é isso. Consegui uma “golden box of black dragon” com +2 de destreza e....
Beto – Naldo! Vamos logo. – e da meia volta e sai do quarto.
---



Os dois irmãos vão então andando pela avenida próxima a casa deles, e conversam:
Naldo – Pow, quando vamos entrar em ação?
Beto – Não sei. Estamos em fase de teste, teremos primeiro que provar que somos dignos dos poderes.
Naldo – Falou bonito!
Pessoa 1 – Tem um louco assaltando o banco!
Pessoa 2 – Corram! Socorro!
Beto – Queria uma chance?
Naldo – Legal!
Ao se aproximarem, vêem que a polícia fez uma barreira policial e no meio está um homem com algo embaixo do braço. E como não poderiam faltar, dois helicópteros da TV mostrando tudo com “total exclusividade”. Ao passarem ao lado de uma padaria ouvem a TV:
D’Anthena – Com exclusividade, na Zona Leste de São Paulo, um maluco está com uma bomba e pretende se explodir e levar quem estiver junto pelos ares. A polícia está negociando....
Beto – Naldo, let’s take care of this!
Naldo – Ahm?!
Beto – Vamos cuidar disso! O que você faz nas aulas de inglês?
Naldo – Durmo! ^^
Beto – -_-‘ vagal
Beto – Vamos, Union Rangers!
Uonnnnn……
Uma luz branca desce em Beto e uma negra em Naldo.
Naldo – WOW! Esses são os uniformes?!
Beto – Legal! Não pensei que teríamos os uniformes tão cedo.
Naldo – Cadê as armas? Onde estão minha katana?
Beto – Lutar de mãos vazias? O que o Hebert tinha na cabeça?
Naldo – Relaxa, ainda temos os poderes.
Pessoa 8 – Quem são vocês?
Beto e Naldo – ....
Pessoa 10 – Que luz era aquela? Quem são vocês?
Pessoa 23 – Alguém viu esses garotos antes de se transformarem?
Beto – Sujou! Teletransportar! (‘tchunf’)
...... (‘tchunf’)
Naldo – Essa foi por pouco... Hey! Onde estamos?
Beto – Em cima do banco. Olha nosso alvo lá embaixo.
Naldo – Tenho medo de altura!
Beto – Seu medroso! Algum plano?
Naldo – Sim! Você desce lá, teletransporta a bomba e pronto!
Beto – Espertinho... e você? Já sei! Vem cá! (‘tchunf’)
---
Na cena do crime:
Bandido: Eu vou me explodir e levar todos comigo! HAHAHAHA!
Policial 4 – Calma...
(‘tchunf’)
Bandido – Ahm! (click)
Os dois aparecem ao lado do bandido.
Bandido – Quem são vocês? O que está havendo? Como apareceram aqui?
Naldo – Somos os Union Rangers (ou parte deles) e viemos te parar!
Beto – Depois nos apresentamos! Naldo paralise-o com seu poder.
Naldo – Deixa comigo! AUMMMMM
Beto – Precisa fazer esse som de meditação?
Bandido – O que está havendo? Não consigo me mexer!
Beto – É isso ai! Meu irmão te paralisou com o poder da mente. E essa bomba fica comigo. .... Naldo?! Você que manja de armas e bombas, bombas vem com relóginho e fazem tic-tac?
Naldo – Bombas relógios sim!
Beto – Ai....
Bandido – Huhauahuahuahuah, com o susto eu disparei a bomba!
Todos – QUÊÊÊ!!!???
Beto – O que eu faço?
Naldo – Teletransporta a bomba!
Beto – Para onde?
Naldo – Como vocês dizem: “ema ema ema...”
Beto – Já sei! (‘tchunf’)
Naldo – TINHOOOO!!!
...
KA-BUMMMM
Uma explosão no céu desestabiliza um dos helicópteros da TV.
Pessoa 39 – O helicóptero!
Naldo – Manoooo!!! Droga! Tenho que segurar o helicóptero.
Com muito esforço, Naldo pousa o helicóptero em cima de um prédio. Com o esforço e tristeza cai de joelhos no chão chorando.
O bandido aponta uma arma para Naldo.
Bandido – Agora você já era. Pelo jeito não consegue nem se levantar. .... EI! Ainda tem forças para me segurar? ME LARGA!
Naldo – Mas não sou eu... seria...
Então Beto aparece segurando o bandido e o desarma.
Naldo – Manooo!! Você não morreu?!
Beto – Morrer na primeira história? Tá louco?
Bandido – Eu me rendo... Mas o que são vocês?
Beto – Somos os Union Rangers e…
Voz Misteriosa – … e são os discípulos do Poderoso Union!
Beto – E quem é você!?
Todos olham para cima, onde o helicoptero pousou, e apenas vem uma silhueta com uma capa balançando ao vento.
Voz Misteriosa – A nossa batalha vai ficar interessante agora. Meu mestre vai ter muito com que se divertir....
Naldo – Espera! Como sabe quem somos?
Voz Misteriosa – Vocês são os Union Rangers, os irmãos Ying-Yang.
Naldo – Ying-Yang?
Voz Misteriosa – Aquele símbolo chinês que é um círculo, metade preto e metade branco, simboliza o equilíbrio entre o bem e o mal, entre a luz e a escuridão.
Beto e Naldo – ?
Voz Misteriosa – Até mais Unions, iremos nos encontrar logo – (e some da vista de todos)
Beto – Vamos Naldo, antes que queiram uma entrevista conosco... (‘tchunf’)

Fim da Parte 02
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://rpf.awardspace.com/
Knuckles
V.I.P
V.I.P


Masculino Número de Mensagens : 202
Idade : 28
Localização : São Paulo
Data de inscrição : 25/06/2008

MensagemAssunto: Re: Union Rangers   Sab 5 Jul 2008 - 12:54

---

Prólogo
Parte 03 – Made In Japan.

Riba – Que tédio! Acho que vou ao Shopping hoje.
...
No Shopping:
Hugo – Ae Shindi, valeu por ter me chamado para ver a exposição do Japão aqui no shopping.
Shindi – Hum. Tudo bem.
Hugo – Andou treinando seus poderes?
Shindi – Um pouco. Tenho medo de botar fogo em casa.
Hugo – Lembre-se, “criança que brinca com fogo, faz xixi na cama”. Hahahaha
Shindi levanta a mão direita e faz uma pequena chama e diz:
Shindi – Ah é? Então lembre-se: “quem mexe com fogo acaba se queimando”.
Hugo – Ou não. Sem graça. =(
...
Riba já no shopping, pensa sobre o que ocorrera no dia anterior:
R – ‘Que loucura, aquele tal de Hebert, amigo do Roberto e do Shindi, me escolheu, a pedido do Roberto para ser o Ranger Azul, e ter o poder do gelo e da água... Treinar? Será que tenho que começar a ir à academia? Como ele vai ver se sou digno mesmo desse poder? Opa! Exposição do Japão a frente! Vou ver o que tem de bom lá...’
...
Hugo – Olha, vai começar o show!
Shindi – Bem na hora!
Riba – ‘Um show! Legal! Hey, não é o Shindi ali?!’ Shindi!!
Hugo – Shindi, estão te chamando ali.
Shindi – É o Riba, o Union Azul.
Hugo – Finalmente vou conhecê-lo.
Quando Riba se aproxima...
Riba – Ae Shindi, beleza?
Shindi – Beleza! Ah, esse é o Hugo, o Union Verde.
Riba – Vocês também?!
Hugo – Uhum, prazer!
KÁ-BUMMM!!!
Hugo – O que foi isso?
Shindi – Lá em cima!
Riba – O que esses malucos descendo por cordas com roupas da S.W.A.T. pretendem?
Quatro homens descem pelo teto usando trajes de guerra.
Soldado 1 – Todos pro chão!
Soldado 2 – Isso é um seqüestro!
Soldado 3 – Rápido! Rápido!
General – Se acalmem, se o governo pagar logo o resgate, todos serão libertados.
Pessoa 79 – Oh não!
Pessoa 132 – Quem poderá nos defender?
Hugo – O chapolin?
Shindi – Isso é hora de fazer piadas?
Hugo – Gomen -_-‘
Riba – E se usássemos nossos poderes agora?
Shindi – Vamos!
Hugo – Tem muita gente aqui.
Riba – Ninguém ta olhando pra gente.
Hugo – Certo.
Shindi – Vamos Union Rangers!
Uonnnn.....
Uma luz vermelha desce em Shindi, uma Azul em Riba, e uma Verde em Hugo.
Hugo – Noooossa! Que “loco” esse uniforme!
Shindi – Legal!
Riba – Da hora!
General – O que pensam que estão fazendo?!
Riba – Hora do pau!
Soldado 1 – Eu cuido deles!
Riba – Eu começo! Raio de Gelo!!!
Um raio gelado sai das mãos de Riba e congela o Soldado 1, que cai duro no chão.
Riba – UAU! Gostei. ^_^
General – Vocês dois, vão!
Hugo – Minha vez, Furacão!!!
Hugo cria um mini-furacão que joga o Soldado 2 longe, onde cai desmaiado.
Soldado 3 – Você não me escapa!
Shindi – FireBalls!!! (trad. Bolas de fogo)
Soldado 3 – Ah! Isso queima! Você derreteu minha arma!
Shindi – O próximo a ser derretido é você!
Soldado 3 - ;_; (chorando)
Hugo – Ainda falta o líder!
Riba – Fácil!
General – Ah é? E se eu disser que carrego uma bomba comigo?
Riba – Fácil!
General – O Quê!
Riba – Cuidado, isso vai ficar um pouco frio....
Então começam aparecer flocos de gelo no shopping...
Shindi – Vai bancar o Hyoga? Hehehehe.
Com o ar frio a bomba se congela.
Riba – Bomb Defused! (bomba desarmada)
Hugo – ?
Shindi – Nunca jogou CounterStrike?
Hugo – ?
Shindi – Esquece....
Hugo – Minha vez de novo!
Shindi – Ta parecendo jogo de RPG, a gente ataca em turnos?
Riba – Hehehe, pode crer!
Hugo – Passa pra cá essa bomba!
Então uma corrente de ar traz a bomba até os Unions Rangers.
Hugo – Vai Shindi, o golpe final é seu!
General – Co... como fizeram isso?
Shindi – Tive uma idéia!
Shindi sai correndo até o general...
Shindi – Shoryuken!
Riba e Hugo – o.O’ ????????
O general cai no chão com a roupa toda tosdada.
Shindi – Hehehehehe \o/ Counter-Terrorist WIN!
Hugo - ?
Riba dando um tapinha nas costas do Hugo…
Riba – Ta precisando mesmo jogar Counter-Strike hein?
Pessoas – EEEEE! Eles nos salvaram! Heróis!!! (blá blá blá!!!)
Hugo – Ouviram? Somos heróis!
Voz Misteriosa – Ele realmente fez ótimas escolhas.
Shindi – Quem disse isso?
Todos olham para o alto e vem uma sombra de alguém usando uma capa negra.
Voz Misteriosa – É a força oriental mostrando seu poder e criatividade.
Riba – Quem é você?
Voz Misteriosa – Sou o verdadeiro inimigo, ou seria talvez um amigo?
Shindi – Já ouvi essa voz antes...
Voz Misteriosa – Meu mestre terá muita diversão com esses Unions “Made in Japan”. Adeus, ou melhor, até mais, pois voltarei logo... – e some nas sombras.
Hugo – Nossa... já temos até inimigo?
Shindi – Vamos embora logo, antes que nos peguem para entrevista e autógrafos, não to afim de aparecer tanto.
Riba – É, vamos, deixa que a policia cuida dessas torradas e sorvetes que deixamos estatelados aí no chão.
Hugo – Huhauhauahuah, verdade!

Fim da Parte 03
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://rpf.awardspace.com/
Knuckles
V.I.P
V.I.P


Masculino Número de Mensagens : 202
Idade : 28
Localização : São Paulo
Data de inscrição : 25/06/2008

MensagemAssunto: Re: Union Rangers   Sab 5 Jul 2008 - 12:55

Prólogo
Parte 04 – Women Are Monsters.

Jacqueline – PicNic!!! EBAAA!!!
Gabriela – Nossa, Semys?! Precisa ficar tão animada assim?
Jacqueline – Uhum! ^_^
Denise – Onde vamos?
Thays – Ah, é perto de um bosque, próximo à divisa de São Paulo e uma cidadezinha.
Denise – Um pouco longe, né?
Jacqueline – Ah, vamos no meu carro. Cabe bastante gente. A Gaby e a Thatha sabem muito bem disso, hehehehe.
Gabriela e Thays – Sabemos sim... -_-‘
Denise – Pena que os meninos não puderam vir
Thays – Eles já tinham outros planos.
Gabriela – Ok, então vamos!
Jacqueline – EEEEE!!! Mas sem Union Rangers no carro, ok?
Thays, Gabriela, Denise – Ok!
---
Após a curta viagem, já próximas ao bosque, montam o picnic, e começam a comer, a conversar e a admirar a paisagem em volta, até que o assunto chega aos Unions...
Gabriela – E ai, contaram para alguém sobre os poderes? Pais, irmãos, namorados?
Jacqueline, Thays e Denise – Não! o.o!
Gabriela – Sentiram alguma diferença?
Denise – Eu sinto que consigo conversar com os animais.
Thays – Falando em animais, o que a Batata está fazendo aqui?
Jacqueline – Eu ia perguntar o mesmo...
Denise – Ela pediu para vir.
Gabriela – Ahm!?
Denise – É, eu falei para minha mãe que viria aqui, e a Batata falou que queria vir também. Não resisti a esses olhinhos
Batata – AuAu!
Thays – Vocês vão me achar louca, mas andei sentindo os pensamentos das plantas.
Jacqueline – Eu e a Semys somos as únicas normais?
Denise e Thays - !!!!! (levantam num pulo só!)
Espantada, Gabriela pergunta:
Gabriela – O que foi?
Thays – Ouvi um grito lá no bosque!
Denise – Eu ouvi vários, estou até tonta...
Jacqueline – Mais? Hihihihi
Denise – Os animais estão em perigo! O bosque está pegando fogo!
Gabriela – Fogo? Mas nem tem fumaça?!
Jacqueline – Olha lá Semys! Fumaça!
Thays – Vamos lá ver!
Adentrando um pouco no bosque, as meninas chegam ao foco do incêndio.
Thays – O que faremos?
Bandido 1 – Fomos vistos!
Bandido 2 – Paradas ai!
Denise – Ai meu Deus, eles estão armados!
Batata – Au Au!
Denise – Boa idéia!
Gabriela, Thays, Jacqueline - ???
Denise – Os poderes! Vamos usa-los!
Thays – Certo, Vamos Union Rangers!
Uooonnnn…..
Uma luz rosa desce em Thays, uma amarela em Jacqueline, uma laranja em Gabriela e uma violeta em Denise.
Denise – Que lindo!
Thays – Que fofo!
Jacqueline – Amarelo? Já enjoei de amarelo. – @_@
Gabriela – Certo! Vamos fazer um plano.
Thays – AAAAAAAAAAAAHHH!
Thatha cai de joelhos no chão com as mãos na cabeça.
Denise – Thatha, tudo bem?
Thays – A pressão... todas as plantas... estão gritando de dor... e por... ajuda...
Bandido 1 – Baixaram a guarda!
Bandido 2 – Adeus gatinhas! – BANG!
!!!
O bandido 2 atira, mas a bala para numa barreira de terra. Atrás dessa barreira está Gaby, ajoelhada com as mãos no chão.
Gabriela – Não baixem a guarda garotas. Vocês cuidam deles, eu vou conter o incêndio com uma barreira.
Denise – Eu vou com você, tenho que salvar os animais!
Batata – Au!
Gabriela – Ok Dê. Vou abaixar a barreira, e vocês duas atrás deles!
Thays e Jacqueline – Ta!
Bandido 1 – Elas são monstros! Corra!
Bandido 2 – Não precisava nem falar!

Então a turma se separa. Thays e Jacqueline correm atrás dos bandidos, enquanto Gabriela e Denise correm em direção do bosque em chamas.

No Bosque...
Gabriela – Dê, eu vou criar uma barreira de terra para conter o incêndio, você e a Batata entram e salvam os animais que não conseguiram fugir. Qualquer coisa grita.
Denise – Certo, vamos Batata!
Batata – Au!
Então Gabriela se ajoelha, põe as mãos no chão, começa a se concentrar e uma barreira de terra começa a se erguer em volta do centro do incêndio. Enquanto isso, no bosque, Denise e Batata ajudam os animais que estão presos.
Denise – Ouço um chamado mas não sei de onde vem.
Batata – AuAu!
Denise – O que? (e olha para cima.)
Seguindo os bandidos, Jacqueline e Thays chegam a um campo aberto e se deparam com os dois bandidos do bosque com mais dois comparsas.
Jacqueline – Beleza, vai ser mais fácil lutar nesse campo aberto.
Bandido 3 – É o que pensa gracinha!
Jacqueline abre os braços, já eletrificados e corre em direção aos bandidos 3 e 4 que estão a direita de um furgão. Ela desvia com facilidade das armas e põe as mãos no peito deles e...
Jacqueline – Choque do Trovão!!!! (nota do autor: alguma relação com Pokemon é pura coincidência XD)
Bandido 3 e Bandido 4 – Hein?
Jacqueline nesse momento descarrega uma enorme carga de energia elétrica nos dois que caem inconscientes no chão.
Jacqueline – E não me chamem mais de gracinha! Dois a menos Thays! Como voc....
Jacqueline para de falar, assustada com a cena que vê.... Thays responde com um semblante furioso:
Thays – Estou ótima Jacqueline, apenas não interfira!
---
Voltando ao bosque.
Denise – O quê? Tem um ninho com filhotinhos naquele galho em chamas? Como vou subir lá?
Gabriela – Quer uma ajudinha? (Gabriela aparece encostada numa árvore, visivelmente cansada pelo esforço).
Denise – Gaby! Você está bem?
Gabriela – Cansada. Apenas coloque a Batata perto da árvore. Isso! Não fique com medo ok?
Batata – Au!
Gabriela – Subindo! (levantando as mãos)
Um morrinho começa a surgir sob as patas de Batata que alcança o galho e pega o ninho com a boca, e escorrega pelo morrinho.
Denise – Oba, eles estão a salvo! Né? Gaby?!
Gabriela cai no chão devido ao cansaço.
...
Voltando ao campo aberto.
Thays – Jacq, ligue para a policia e para os bombeiros, eu termino com esses aqui.
Jacqueline – Vou ligar para a ambulância também.
Os bandidos que sobraram estavam envolvidos por plantas que brotaram do chão com os poderes de Thays.
Thays – Por que fizeram isso?
Bandido 1 – Ah! Me solta!
Bandido 2 – Por que responderíamos?
Thays – Posso criar espinhos nessas plantas, só por isso.
Jacqueline – Thatha, não vá fazer nada imprudente.
Thays – Fica fora disso Jacqueline! Você não sabe o que é ver as plantas em chamas e ouvi-las gritando por ajuda, e não poder fazer nada!
Bandido 1 – Eu falo, eu falo! Para aumentar a área de plantação e....
Thays – Era o que eu temia. Espinhos!
Jacqueline – Thatha, não!
Bandido 1 e Bandido 2 – AAAAH!!!
Surgem espinhos e as plantas voltam para a terra.
Thays – Eu apenas criei espinhos na área das pernas, eles ainda vão viver, só não vão andar por um tempo.
De dentro da barreira de terra surge Denise carregando Gabriela no ombros e a Batata com o ninho na boca.
Denise – Meu Deus?! O que houve?!
Jacqueline – Nada não, a Thatha se estressou um pouco.
Thays – Cuidado Jacqueline! O que houve com a Gaby?
Jacqueline se aproxima, e Gabriela levanta o rosto.
Gabriela – Estou bem Semys, só um pouquinho cansada
Eis que surge um helicóptero, com alguém pendurado na porta.
Voz Misteriosa – Mulheres realmente são monstros em forma humana quando querem.
Jacqueline – Quem você está chamando de monstros?!
Voz Misteriosa – Vocês, discípulas do Poderoso Union!
Denise – Como sabe?
Voz Misteriosa – Agora já vi todos em ação. Impressionante. Um grupo e tanto ele conseguiu formar. Uma grande batalha nos aguarda.
Gabriela – Quem é você?
Thays – Essa voz?! Me faz sentir um enorme mal estar...
Voz Misteriosa – Aproveitem seus poderes enquanto podem, lindas. Nossa batalha está próxima...
E o helicóptero começa a se distanciar.
Jacqueline – Volta aqui! (e lança um raio em direção do helicóptero.)
Mas o raio é repelido por algo invisível.
Voz Misteriosa – Eu vim preparado, hauhauahauhauhauha (e some no horizonte.)
Gabriela – Quem seria?
Batata – AuAu
Denise – A Batata está dizendo que os bombeiros estão chegando.
Thays – Vamos sair daqui, vamos voltar ao picnic e fingir que nada aconteceu.
Denise – Batata, deixe o ninho aqui, eles saberão o que fazer.
Batata – Au!
---
De volta ao PicNic.
Jacqueline – Semys, você está bem?
Gabriela – Cansada, me esforcei muito.
Então aparece um policial com dois bombeiros.
Policial – Vocês viram alguma coisa, sobre o incêndio? Sobre pessoas caídas ali?
Jacqueline – Incêndio? Pessoas caídas? Não, não vimos nada não (Falando de boca cheia)
Thays – (pensando) ‘Que cara de pau!’
Gabriela – Estamos a pouco tempo aqui.
Thays – (pensando) ‘Outra!’
Bombeiro 1 – Obrigado de qualquer modo.
Thays – De nada.
Batata – AuAu!
Denise – Acho que eles verão o ninho sim.
Bombeiro 2 – Como sabem do ninho?
Thays – Não liga não. Nossa amiga é louca.
Gabriela – É. Ela acha que fala com animais.
Policial – Ok, vamos embora. (e sai coçando a cabeça intrigado.)
Depois, voltando ao assunto dos Union Rangers.
Thays – Eu já ouvi aquela voz antes, e me deu um baita mal estar.
Jacqueline – Você é muito estressada, poderia ter matado eles.
Thays – É sério, aquele cara do helicóptero, eu conheço ele de algum lugar.
Gabriela – Só sei que ele é nosso inimigo, e do Hebert também!
Denise – Depois a gente fala com ele, vamos terminar de comer, está ficando tarde.
Jacqueline – Vamos!
Batata – AuAu!

Fim da Parte 04



-----------------------

ps. desculpem o flood, mas não coube as três partes num post só ^^'
qualquer problema me avisem

depois começa a saga dos 4 laboratórios \o/

flw o/
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://rpf.awardspace.com/
~maa-chan~
Não tenho segredos
Não tenho segredos


Feminino Número de Mensagens : 778
Localização : Em qualquer lugar aonde tenha música
Data de inscrição : 25/06/2008

MensagemAssunto: Re: Union Rangers   Seg 7 Jul 2008 - 16:42

Yo!
Ficaram legais!
Legais mesmo!
Espero que eles (os Union Rangers) não comecem a morrer tão cedo!!!
XD
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Knuckles
V.I.P
V.I.P


Masculino Número de Mensagens : 202
Idade : 28
Localização : São Paulo
Data de inscrição : 25/06/2008

MensagemAssunto: Re: Union Rangers   Ter 8 Jul 2008 - 14:08

Primeira Saga! o/

---

A Saga dos 4 Laboratórios.
Parte 01 – A Primeira Reunião.

Depois da distribuição dos poderes, uma reunião é marcada na base secreta dos Unions, localizada sob o Colégio São Judas Tadeu. Um laboratório de informática enorme subterrâneo. A única entrada que esse laboratório possui, é a sala do servidor central, que fica logo a cima dela.
No dia da reunião, já se encontravam na sala todas as meninas e o Hebert, onde estavam discutindo coisas importantes, como o TCC deles.
- - - ALERTA - - -
Hebert – Opa! Parece que os meninos chegaram.
Jacqueline – Como sempre, atrasados.
No teletransportador (tipo aquele da nave StarTrek) aparecem Roberto, Ronaldo, Shindi, Riba e Hugo.
Denise – Estão atrasados!
Beto – Dá um desconto. Primeira vez que o Riba se atrasa.
Naldo – Um cachorrinho! – e corre até a Batata.
Denise – É cachorra, chama-se batata.
Naldo – Por que Batata? – Passando a mão na cabeça dela.
Denise – (explicação)
Naldo – Que bonitinh....
Batata – NHAC!
Naldo – AAAAHHHH!!!! MEU DEDO!!!! T_T
Batata – Rrrrr....
Beto – Bem feito!
Thays – Tadinho do seu irmão.
Beto – Mereceu. Não é todo cachorro que vai com sua cara viu!
Denise – Deixa eu te fazer um curativo.
Naldo – Obrigado (ainda chorando T_T)
Hugo – Nossa! Quanto computador! Não sabia que ainda tinha mais escondido aqui.
Hebert – E é tudo do bom e do melhor! Podemos começar a reunião? Mas o que...?
Ao olhar em volta, cada um sentou em um computador e começou a mexer.
Hebert – Por que informática? Minha mãe bem me disse para ser piloto de avião...
---
Naldo – Nossa! Tem Age (of Empires) aqui! Dá pra jogar em rede? Quem quer uma batalha ae!?
Hugo – Vamo ai! Vou te mostrar a força do informática!
Naldo – Quero só ver!
Riba – Também vou jogar!
Naldo – Perdi. T_T
Hugo – Mas a gente nem entrou no jogo ainda.
Naldo – O Riba é bom.
Hugo – Isso é o que vamos ver.
---
Beto – Ae Shindi, esse é o anime que você me falou?
Shindi – Isso. É um anime futurístico de triatlo. Com Robôs e samurais.
Beto – Poe um pouquinho ai.
Shindi – Tô baixando já. Tá no finzinho. A velocidade da internet aqui é muito alta.
Beto – “Tudo do bom e do melhor” Adorei ser ranger XD
---
Dê – Quaquaqua
Thays – Por que você ta rindo tanto Dê?
Denise – Olha Thatha!
Batata – AuAu!
Denise – Até a Batata ta rindo.
Thays – Turma da Mônica?!
Denise – É! Adoro. Quero dizer, nós duas adoramos.
Thays – Acho bom eu ir ver meus e-mails que ganho mais.
---
Gaby – Esse joguinho é muito legal. Agora eu desenho.
Jacqueline – Splat é divertido. Fala o que você vai desenhar, pra eu já escrever.
Gabriela – Não! Adivinha!
Jacqueline – Que custa? Já sei, vou ai ver então.
Gabriela – Não chega perto!
Jacqueline – Hihihihih
(tapas e xingamentos censurados)
---
Hebert – OK UNION! O recreio acabou! O que tenho para dizer é muito importante.
Beto – Xii... Ficou macho agora, vamos lá. Pausa o anime, depois a gente volta a assistir.
Naldo – Eu to ganhando, já vou.
Hugo – Como é possível?!
Hebert – ‘Devia ter escolhido um lugar sem computadores’.
Hebert – Bom, agora vocês são oficialmente Union Rangers. Parece que tiveram problemas nesse fim de semana.
Thays – Nem me fala. Eu ainda estou tonta tentando lembrar de quem é aquela voz.
Gabriela – Acho que vamos descobrir logo.
Beto vira-se para seu irmão.
Beto – Vocês não vêm não?
Naldo – Não dá Tinho! O exercito do Riba ta me atacando agora.
Beto – Até você Riba?
Riba – Vou acabar com isso o mais rápido possível e já vou ai.
Hugo – Acho que vou entrar na festa. ATACAR!!!
Riba – Já sei por que te chamam de intruso.
Naldo – Ai meu exercito. T_T
Shindi – Deixa eles jogando.
Denise – Esquece eles, continua.
Batata – Au au
Denise – A batata tá curiosa.
Hebert – Falando na batata, parece que ela é a mais nova integrante da turma e dos Rangers.
Denise – Que lindo!
Naldo (ouvindo a conversa) – ‘Ai meus dedinhos....’
Hebert – Depois dessa “aventura”, vou liberar suas armas...
Naldo que não é bobo nem muito menos surdo, ouve isso enquanto joga.
Naldo – Armas?! Bom pessoal, acho que perdi, podem continuar sem mim.
Hugo – Desistiu?
Riba – Não acredito Naldo. Agora só falta você Hugo. Prepare-se
Hugo – Já nasci preparado.
Naldo se aproxima do grupo reunido.
Naldo – Já posso usar minha arma? LEGAL!
Beto – É só falar em armas que ele aparece.
Jacqueline – Percebi...
Hebert – E não é só isso!
Gabriela – “Parece comercial americano.”
Hebert – Vocês receberão relógios que servirão para a comunicação entre vocês.
Beto – Adeus a MSN, ICQ e GT. Huahauhauah
Hebert – E também permitirão que vocês se transformem, podendo usar os uniformes e as armas.
Thays – Mas a gente já usou o uniforme e os poderes antes de termos o relógio.
Hebert – É? Como é possível?
Dê – Usando =)
Hebert – ? Ok! Continuando, assim que tiverem prontos e funcionando, e vocês precisarem de uma força extra, estarei ativando os Zords.
Naldo, Shindi e Beto – ZORDS!!! YEAH!!!!
Dê – Zords? Que isso?
Beto – Pessoal sem infância...
Naldo – Robôs gigantes que lutam e podem se combinar para ficarem mais fortes.
Shindi – Boa explicação.
Batata – Au.
Dê – É violento demais.
Hebert – Temos que estar preparados.
Riba se levanta.
Riba – Ganhei!
Hugo – Fiquem sem ouro. Foi por isso que perdi...
Riba – Chora não. XD
Gaby – Ahm, pessoal? Que luz forte é essa que está saindo dos monitores?
Hebert – É, os computadores estão emitindo luzes fortes.
Beto – Já falei pra tomarem cuidado com o que abrem na net.
Jacqueline – A gente só estava jogando. Vocês que baixaram “anime”.
Shindi – Mas...
A luz dos monitores se intensifica cobrindo toda a sala, até que ela começa a se esvair. Na sala apenas restam os computadores e as cadeiras.
(Locutor Chato) : O que será que houve? O que foi a luz emitida pelos monitores. Para onde foram todos? Quem será que possui aquela voz misteriosa? Não percam o próximo episódio.

Fim da Parte 01




A Saga dos 4 Laboratórios.
Parte 02 – Os 4 Laboratórios.

Os Unions acordam na base secreta, mas logo percebem uma “aura” diferente no lugar.
Beto – Onde estamos?
Naldo – Não sei... Mas parece que não saímos do lugar.
Hebert – Vamos sair daqui. Entrem no teletransporte, já!
Todos entram no teletransporte e sobem de andar, indo parar no CPD1 (a sala do chefe). Lá Reginaldo está sentado a sua mesa com uma cara de preocupado.
Hebert – O que foi aquela luz agora pouco?
Reginaldo – Tenho más notícias...
Hugo – Queimou os PCs?
Reginaldo – Antes fosse...
Hugo – Ufffa.....
Leandro entra correndo na sala.
Leandro – Regis, acabei de fazer as buscas. Ei Unions, vocês estão ai?
Hugo – Uhum
Riba – Quem é?
Beto – Nosso professor. ^_^
Leandro – Como ia dizendo: Aquela luz nos mandou para uma outra dimensão.
Naldo – Mas ainda estamos no colégio.
Reginaldo – É, isso é o colégio numa outra dimensão.
Dê – Não to entendendo.
Hugo – Depois a gente desenha. Continha Leandro.
Reginaldo – Eu vou falar. Há um tempo, interceptamos uma mensagem de conspiração aqui no colégio. Estavam tentando derrubar o curso de vocês.
Thays – Que horor!
Reginaldo – Isso. Alguns professores são a favor de acabarem com a sala de vocês. Vocês bagunçam demais.
Jacqueline – A gente não.
Gabriela – São aqueles malas do eletrônica.
Denise – Leandro, os professores do técnico são contra, né?
Leandro – Claro Dê. Mas receio que eles estejam agora contra nós.
Todos – O QUÊ!?
Reginaldo – Isso. Os professores contra, estão controlando os professores restantes, e... (faz uma longa pausa)... Bom, olhem vocês mesmo o estado do colégio.
Todos saem do laboratório, e vem o pátio, antes coberto, agora sob céu aberto, e uma grande escadaria. Nelas, parecem existir “casas” entre alguns lances de escada.
Hebert – Reginaldo, o que aconteceu?
Reginaldo – Não sei.
Todos -_-‘
Leandro – Eu explico. Nessa outra dimensão criada pelos professores contra o curso, ainda não sabemos quem está com eles, ou não. Eles estão usando os próprios alunos de outras salas para protegê-los, e criaram esse “caminho” até eles. Poucos têm acesso. Para chegar até lá, será preciso passar pelas quatro salas, ou melhor, laboratórios.
Beto – Laboratórios?
Leandro – É. Existem quatro no caminho. E cada um deles comporta uma trava que deve ser liberada. São quatro, uma em cada sala. Assim, quando acionadas, elas abrirão a porta do salão final: A sala dos professores. Lá estão os professores. Tanto os que estão contra nós, quanto os a favor, que foram seqüestrados.
Naldo – Você sabe quais os laboratórios?
Leandro – Opa, claro! Tem tudo no google!
Shindi – Você achou toda essa informação no google?
Leandro – É! Se google não acha, não existe! Ah, fucei um pouco no orkut também. Eles escreveram muita coisa lá também.
Naldo – Nossa!
Reginaldo – Tá, o que você descobriu?
Leandro – Existem quatro laboratórios, na ordem: Informática, Biologia/Química, Desenho/Literatura e Eletrônica/Mecatrônica. Cada um com seus guardiões.
Batata – Au au
Denise – Nós duas já estamos com medo.
Reginaldo – Calma Denise. Estamos aqui para auxiliar vocês. Daremos suporte a vocês pelos comunicadores. Agora se transformem e vão até lá. E lembrem-se. Todo cuidado é pouco.
Beto – OK! Como a gente combinou!
Beto + Naldo + Shindi: HENSHIN! A GO GO BABY!!!
Então os três vestem seus uniformes.
Todos os outros – O que é isso?
Beto – Hahahaha, foi legal! É um jeito que um personagem se transforma num jogo.
Naldo – É, viewtiful Joe!
Shindi – hauhauahuha, foi legal.
Jacqueline – A gente precisa fazer assim também?
Leandro – Por favor, não…
Os outros unions também se transformam.
Reginaldo – Vão, e boa sorte!
Todos eles saem correndo do laboratório e se dirigem as escadarias.
Leandro – Você acha que eles ficarão bem?
Reginaldo – Vão sim. Hebert os escolheu bem. E quanto aos outros?
Leandro – Já os contatei. Não se preocupe. Eles estarão aqui logo.
Reginaldo – Bom. Nós também temos direito de fazermos nossas escolhas.
Leandro – Sim.
Em direção às escadarias, os Unions conversam.
Jacqueline – Tudo isso tão de repente. Não tava preparada.
Hugo – Não se preocupe. A gente já passou por um teste. Agora vamos lutar de verdade!
Dê – É disso que eu tenho medo.
Gabriela – Que isso meninas! Temos que proteger o info!
Beto – É assim que se fala! E por falar em info, o primeiro laboratório é o nosso. Me pergunto se terá alguém lá dentro.
Hebert – Com certeza não. Nenhum info vai querer que o curso dele acabe.
Thays – Tô cansada! Não tinha elevador!?
Riba – Tinha, mas era apenas para professores.
Thays – (cara de choro)
Naldo – Já subimos alguns lances de escada. Estamos perto do primeiro lab.
Os unions se aproximam do lab e entram nele. O laboratório é um corredor, onde no seu interior, vários computadores se posicionam juntos as paredes laterais.
Beto – Viram? Vazio. Vamos em frente!
Uma voz do alto grita:
Voz – Calma, Beto! Quem disse que está vazio?
Beto – Não pode ser! Você!
Um vulto pula e aterrisa bem em frente a Beto. E se percebe o corte de uma espada.
Beto se teletransporta alguns passos atrás a tempo.
Shindi – Leonam?!
Beto – Kza?! Você ta louco? Podia ter me machucado com esse golpe! Olha cortou uns fios do meu cabelo!
Jacqueline – Que já ta na hora de cortar né?
Beto – Que bom que também tem poderes! Você do nosso lado vai ser muito bom!
Leonam – Quem disse que estou do lado de vocês? E da próxima vez, vou arrancar mais do que alguns fios de cabelo!
Todos – O que?!
Jacqueline – Como assim Leonam?
Shindi – Kza, por que você está contra nós?
Hugo – Não sabe que o info pode acabar?!
Leonam – Não me importo. Meu mestre me pediu para que impedisse qualquer invasão.
Thays – Seu mestre?
Hebert – Quem está por traz disso tudo!?
Leonam – Por que tenho que responder? E você Beto, e seus amiguinhos unions ai vão ser meus adversários!
Gabriela – Ainda com rancor da expo?
Leonam – Rancor? Huahuahuah, não me faça rir! Preparem-se!
Leonam levanta o braço direito preparando um ataque.
Beto – Acalme-se. Isso vai ficar somente entre eu e você. Enquanto isso, todos os outros devem passar.
Leonam – huahuahauha, por que faria isso?!
Beto – Para ser um luta justa. Vamos ver qual de nós dois é o melhor.
Leonam – Tá ficando muito insolente. Ok. Vocês podem passar. Beto, você fica para lutarmos!
Hebert – Ta tudo bem?
Beto – Ta sim, relaxa.
Jacqueline – Cuidado Betão.
Shindi – Eu também fico. Tenho um pressentimento que você vai precisar de ajuda.
Beto – Que confiança em mim, hein Shindi?
Naldo – Eu também fico.
Leonam – Ai virou palhaçada. Shindi e Beto ficam. O resto pode passar. Não me interessam.
Thays – RESTO? Betão e Shindi, acabem com ele. Nos vemos mais pra frente!
Naldo – Cuidado Tinho e Shindi
Beto – Relaxa Naldo. Tome conta deles. Vão!
Nisso todos os Unions correm em direção à saída do outro lado.
Beto – Sem gracinhas Kza. Lutaremos quando eles saírem.
Leonam – Tudo bem.
Os unions passam pela saída sem problemas.
Leonam – Agora Beto, você e o Shindi me impressionaram ficando sozinhos aqui. Preparem-se!
E Leonam investe contra os dois, usando o braço direito como uma espada.
Shindi – A Excalibur!
Leonam – Isso mesmo! A espada da justiça está em meu braço.
Roberto defende-se do golpe com sua luva, e dá um pulo para trás, mas Leonam vira e sem hesitar ataca Shindi também, que se esquiva com habilidade. Roberto se teleporta para trás do Leonam e o segura.
Beto – Vai Shindi, ataca!
Shindi levanta a mão e dispara.
Shindi – FIREBALLS!!!
Leonam – O QUÊ!??
---
Fora do laboratório, subindo a próxima escada os Unions conversam:
Thays – Eles vão ficar bem?
Denise – Ainda acho uma péssima idéia deixa-los lutar sozinhos.
Riba – É covardia. Dois contra um?
Hugo – Leonam é forte. O Shindi fez bem em ficar.
Naldo – Leonam não estava sozinho.
Todos – AHM??!
---
Voltando ao CPD
Algo bloqueia as fireballs de Shindi. Quando a poeira começa a abaixar, surge uma pessoa bem a frente de Leonam e Beto. Essa pessoa está coberta por uma proteção. Como se a pele dela fosse de metal.
Leonam – Valeu cara, essa foi por pouco.
E golpeia Beto, fazendo um corte em seu peito, que ainda está atordoado e pensando quem seria essa pessoa.
Beto – Aaah! (E cai no chão.)
Shindi – ROBERTO!
Pessoa – Calma Shindi.
Shidi – Você?
Ele retira a proteção que cobre seu rosto.
Shindi – Ganso!?
Roberto no chão tenta dizer algo.
Beto – Quem Shindi?!
Leonam – E não é só ele. Apareçam!
Surgem mais três sombras atrás de Leonam.
Leonam – Lembram-se deles? Agora imaginem eles usando poderes. Huahuahauhauha.
Beto – Vocês!
Shindi – Ainda bem que fiquei para dar apoio.
(Locutor Chato): Quem serão os professores por trás dessa conspiração? Por que Leonam está contra os Infos? Mestre? Que Mestre? Mais vultos? Quem serão? Amigos ou inimigos?
Shindi e Beto conseguirão passar? Quem será que está nos próximos laboratórios? Essas e outras perguntas respondidas nos próximos episódios.
Fim da Parte 02
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://rpf.awardspace.com/
~maa-chan~
Não tenho segredos
Não tenho segredos


Feminino Número de Mensagens : 778
Localização : Em qualquer lugar aonde tenha música
Data de inscrição : 25/06/2008

MensagemAssunto: Re: Union Rangers   Seg 14 Jul 2008 - 17:16

Nyahh, está melhorandooo!
Desculpa ter demorado a ler >.<
Shindi e Beto têm que conseguir yeah
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Knuckles
V.I.P
V.I.P


Masculino Número de Mensagens : 202
Idade : 28
Localização : São Paulo
Data de inscrição : 25/06/2008

MensagemAssunto: Re: Union Rangers   Seg 14 Jul 2008 - 17:49

hehehe, fico feliz por mais gente estar lendo, obrigado maa-chan!
vou postar mais duas partes, blz?
flw aew o/


---
A Saga dos 4 Laboratórios.
Parte 03 – A luta contra o Terrível Esquadrão Kzão!

Enquanto sobem as escadarias:
Naldo – É. Acho que meu irmão não percebeu, mas havia mais gente lá. Ainda bem que o Shindi ficou. Acho que ele também percebeu.
Hebert – Por que não nos avisou?
Jacqueline – Agora eles estão em minoria!
Naldo – Eu confio no meu irmão. E no Shindi. Sei que ficarão bem.
Hugo – Quem são eles?
Naldo – Não sei, só sei que são mais 5 pessoas.
---
De volta ao CPD.
Leonam – Sim! Vou apresentá-los: Rodolfo (Ganso), Leonardo (Agena), Danilo, Felipe (Kamilo). Esses são o Incrível Esquadrão Kzão! (e fazem uma pose de apresentação.)
Shindi – Que pose tosca. Parece as forças especiais Ginyu, de Dragon Ball Z. XD
Beto – É, e o nome. Que falta de criatividade...
Leonam – Calados! Não estraguem nossa apresentação!
Beto – Vo...vocês estão contra o informática.
Danilo – Hahahaha, claro! Não vou seguir a área mesmo.
Shindi – Mas é só por isso?
Rodolfo – Não. Leonam nos mostrou o caminho da força. E se preciso, iremos passar por cima de vocês para ajudar nosso mestre a dominar o mundo!
Beto (ainda no chão) – Quem é o seu mestre?!
Danilo – Por que responderíamos?!
Leonam – Chega de papo! Acabem com eles.
Felipe – E você? Não vai fazer nada?
Leonam – Vou coordenar. O que já é difícil.
Beto se teleporta para o lado de Shindi.
Beto – Shindi, cuidado. Não sabemos os poderes deles. E eles já sabem o que podemos fazer.
Shindi – Uhm.
Beto – Vamos! Eu vou no Danilo e no Ganso!
Shindi – Eu cuido do Agena e do Felipe.
Beto investe contra Rodolfo, que mais uma vez ergue sua armadura, e o golpe de Roberto de nada funciona!
Beto – Já vi esse poder em algum filme.
Danilo passa muito rápido golpeando Roberto.
Danilo – E ai, consegue acompanhar minha velocidade?
Beto – Droga, você foi rápido. Mas consegue me achar?
Então Beto fica invisível e se teletransporta.
Beto (de algum lugar) – Consegue me acertar?
Enquanto isso, Shindi parte para cima de Agena e Felipe.
Shindi – Vamos ver se consigo usar bem esse tchaco.
Shindi avança sobre Felipe, e tenta golpeá-lo, mas esse se esquiva, se transformando em água, e se “remonta” depois do golpe.
Shindi – Então esse é o seu poder?
Felipe – Isso, eu me transformo em liquido.
Shindi – E você Agena! O que pode fazer? FireBalls!!!
Enquanto as FireBalls de Shindi se aproximam, Agena apenas aponta para um computador, e o “joga” contra elas.
Shindi – Mais poder psíquico?
Agena – Não! Magnetismo pessoal! (e dá um de seus sorrisos)
Voltando a outra luta.
Danilo – Eu to te vendo!
Beto – O que? Que aura azul é essa em volta de mim!
Ganso – Golpeia ele pra mim.
Danilo – É pra já.
E corre numa super velocidade até Beto, que se teleporta. E aparece atrás de Rodolfo.
Ganso – Bem na mira. Agora eu não erro!
Beto – Não foi aqui que mirei!
E Rodolfo o golpeia sem dó no estomago. Beto sai rolando no chão uns 10 metros.
Shindi – Beto!
Beto – ARGH!! Não foi ali que mirei para aparecer. E que aura azul era aquela?
Leonam – Hahuahuahauhauahauha.
Beto – O que você fez Leonam!
Leonam – Eu? Nada. Estou só assistindo.
Beto – Seu...!
Agena levanta outros monitores e arremessa contra Shindi, que não consegue desviar e cai. Felipe se transforma em água e se remonta ao lado de Agena.
Shindi – Droga! Dois contra um é covardia!
Do alto do laboratório, surgem três vultos.
Voz1 – E ae Leonam! O que tá aprontando dessa vez?
Voz2 – O que vocês estão fazendo ai, seus marginais!?
Voz3 – A eterna batalha entre Leonam e Roberto. Vamos ajudar?
Voz1 – Claro.
Voz2 – Vamos marginalizar!!! ALAAAN!!!
Beto – Oba, apoio!
Shindi – Rapha, Xitaum e Sardinha! Vocês por aqui?
Eles pulam e aparecem ao lado de Shindi e Beto.
Xitaum – Que bagunça é essa? Até parece a bagunça de quando estamos jogando RPG lá no albergue!
Rapha – Não, essa tá pior.
Sardinha – E ae Shindi, você parece mal.
Shindi – Estou bem.
Rapha – Agora é a nossa vez!
Beto – Vocês também têm super poderes?
Xitaum – Claro! Eu tenho o canivete suíço do MacGyver! Daqui eu tiro tudo! XD
Rapha – Eu tenho a força e a persistência do Rock!
Sardinha – Há! Eu estico feito borracha! XD
Leonam – Com ou sem poderes, não vão passar por aqui! Atacar!
Beto – O Kza é meu.
Rapha – Como queira!
---
De volta as escadarias.
Riba – CINCO!? Vamos voltar para ajudar!
Hebert – Não podemos. Eles vão se virar.
Dê – Que cruel.
Hebert – Sinto mais presenças. Não se preocupem.
Naldo – Mais?
Jacqueline – “Não se preocupem”? Você ta louco?! Tem mais gente lá, e nem sabemos quem são!
Naldo – Vou avisar o Tinho pelo comunicador.
Riba – Ótima idéia!
Naldo liga o comunicador em seu braço direito e fala:
Naldo – Mano, manooo, responde!
Comunicador – SHhhhhhhh!!!
Naldo – Sem sinal?!
Hugo – O que houve?
Hebert – Acho que ele só funciona no mundo real.
Dê – Como assim? Onde estamos afinal?
Hebert – Esse é um mundo virtual, criado com os poderes de alguém. Aqui a freqüência deve ser outra.
Gaby – Agora que vocês pensam nisso?
Hebert – Confiem neles. Vamos, estamos perto do próximo lab.
Escrito no Laboratório: “Laboratório de Química”.
Gaby – Estamos entrando!
Dentro do laboratório, se vem muitas plantas, armários com vidros e equipamentos de laboratório.
Dê – Parece que uma floresta engoliu esse lugar.
Thays – Estranho, não consigo ouvir as plantas.
Hugo – Elas ainda são “mudinhas”. Entendeu? Mudinhas! Hehehehe
Jacqueline - Hahahahahaha
Riba – Sem graça. ¬_¬
Batata – Au!
Dê – Ei olha, tem um cachorrinho aqui. Da pra ver o rabinho dele.
Gaby – Não vai puxar hein.
Dê – Não! Vou dar a volta e abrir o mato para vê-lo.
Então Dê, com todo cuidado, dá a volta e abre o mato para vê-lo.
Dê – AAAAAAAAAAAAAAAAAAAHHH! QUE ISSO!!??

(Locutor Chato): Mas que confusão! Quanta gente está lutando no primeiro laboratório! Leonam está com reforços, “Incrível Esquadrão Kzão”, mas os Unions Shindi e Beto também possuem aliados fortes. Que poderes e que lutas o próximo episódio nos reserva? Que “aura” era aquela que denunciou Beto? Será que existe mais alguém influenciando na luta? Finalmente os Unions chegam ao segundo lab. O que significa a floresta que eles encontraram? Por que a Denise gritou? Essas e outras perguntas serão respondidas nos próximos episódios. E outras perguntas serão criadas. Preparem-se!

Fim da Parte 03
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://rpf.awardspace.com/
Knuckles
V.I.P
V.I.P


Masculino Número de Mensagens : 202
Idade : 28
Localização : São Paulo
Data de inscrição : 25/06/2008

MensagemAssunto: Re: Union Rangers   Seg 14 Jul 2008 - 17:49

A Saga dos 4 Laboratórios.
Parte 04 – A fantástica Floresta de Biologia.

No CPD a batalha começa sem precedentes. Cada um escolhendo seu adversário. Sardinha sem pensar muito ataca Felipe. Enquanto Xitaum ainda procura algo em seu canivete MacGyver.
Rapha – Porra Xitaum! Vai logo com isso ai.
Enquanto tenta atrasar Danilo que vem em alta velocidade.
Xitaum – Calma! Não sei onde tem as armas boas.
Enquanto Beto avança sobre Leonam.
Beto – Não leu o manual disso daí não?
Xitaum – Pra que?
Shindi se esquiva dos sucessivos monitores jogados contra ele.
Shindi – Que desperdício Agena! (ele se desvia do ultimo monitor e dispara) FIREBALLS!!!
Agena consegue bloqueá-las com teclados.
Agena – Você só tem esse poder?
Shindi – Calma, estou só esquentando!
Quando Beto prepara-se para atacar Leonam seu super soco, surge na frente Rodolfo que sem esforço absorve o golpe, logo se esquiva pois Leonam sem perda de tempo descarrega seu mais forte golpe.
Leonam – EXCALIBUR!!!
Beto só tem tempo de defender com as mãos, que apesar de absorver o impacto, é jogado contra o chão.
Beto – Droga! Dois contra um! Xitaum? Achou algo útil!
Xitaum – Achei! Um isqueiro!
Beto – O que pretende fazer com um isqueiro?
Rapha apesar do poder de Rock, o lutador, é quase nocauteado por Danilo.
Danilo - Ae Kareca! Não consegue me acompanhar?! Huhauahauh
Eis que Danilo tropeça, e recebe um baita soco de Raphael!
Rapha – Mas que merda Xitaum! Vai logo! Só você não ta lutando!
Xitaum – Calma, to procurando. Achei algo bom!
Enquanto essa batalha acontece, Sardinha e Felipe travam uma batalha 1x1..
Felipe – Você foi escolher logo eu para lutar?
Sardinha – Sabe com eu gosto de te encher. XD
Felipe – Então tenta.
Sardinha – Não preciso mais ficar perto pra te dar um tapa.
O braço de Sardinha estica até Felipe, que está uns 3 metros de distância, mas ao acerta-lo, ele se transforma em água, e se recobra, quando a mão dele passa pela água.
Felipe – Viu?
Sardinha – Ahm, ta ficando malandro hein Kamilo?
Rodolfo – Ei Dudinha! (Agena) Me arremessa contra o Xitaum com seu “magnetismo”
Agena – Huahuahauhauha, vai nessa.
Agena consegue levantar Rodolfo com seu poder de magnetismo, pois o corpo dele é coberto por ferro. Ele lança bem na direção de Xitaum, que habilidosamente puxa sua arma secreta: uma fogazza de franco e catupiry! Que arremessa conta Rodolfo que voa em sua direção.
Rodolfo – CATUPIRY NÃÃÃO!!! AHHH! Minha úcera vai me matar!
Rodolfo cai no chão atordoado.
Xitam – Viu? Isso aqui é ótimo! Já to pegando o jeito.
Beto – Agora você não tem mais seu escudo Kza, prepare-se!
Leonam – Não?
O golpe de Beto é bloqueado por uma aura azul que envolve Leonam.
Beto – Pow Kza, luta que nem homem! Para de truques!
Leonam – Que truques? No amor e na guerra vale tudo!
Leonam se teleporta para trás de Beto e o tenta acertar com sua Excalibur, mas Beto também se Teleporta. Mas descobre o terrível lugar que escolheu para aparecer. Ele percebe atrás dele olhos brilhando azul.
Shindi ainda lutando contra Agena, avisa, tarde de mais.
Shindi – Beto! Atrás de voc...!
Beto se vira assustado, mas é arremessado longe, com uma corrente de ar azul.
Leonam – Ainda tem mais, muito mais!
---
Voltando ao Lab de Química.
Thays – O que foi Dê!?
Dê quase atônita aponta para o animal que ela vê. Todos se aproximam e se espantam com o que vêem.
Voz feminina 1 – Então já conheceram o Flopy?
Gaby – Quem? Esse bicho ai?
Naldo – Iss.. isso é uma... Qui...mera?
Voz Feminina 2 – Isso fofinho. Uma quimera! Quem diria, o mais novinho, sendo o mais entendido?
Hebert – Vocês? Vocês são alunas!?
Thays – Pela voz! Sei quem vocês são!
Voz Feminina 3 – Que bom que se lembraram da gente. Suas barraqueiras!
Gaby – Quem é barraqueira aqui? Quem?!
Jacqueline segura Gaby, e diz:
Jacqueline – Acalme-se.
De baixo da sombra de uma árvore, surgem 4 figuras femininas.
Voz Feminina 4 – Deixe-nos que nos apresentemos: Somos as mais inteligentes e bonitas do patologia: Sou a Lylian, essa é a Patrícia, Juliana e Camilla.
Riba – Prazer, sou Bruno!
Hugo – Elas são nossas inimigas!
Riba – Agora sim, mas e depois?
Hugo – É, elas não são feias não.
Thays – Parem com isso seus pevertidos.
Hugo e Riba – =(
Dê – O que vocês fizeram? O que é essa tal de Quime... Quime... ah sei lá.
Naldo – É a união de animais diferentes.
Lylian – Isso mesmo. Esse aqui é a nossa maior criação. O nome dele é Flopy.
Patrícia – Ele é composto por uma cauda de cachorro, cabeça de leão, corpo de trigre, e garras de águia.
Hugo – Que mistureba hein?
Denise – Não consigo ouvi-lo.
Camilla – Você é estranha.
Batata – Rrrrr.....
Juliana – Olha que linda! Daria uma ótima quimera se juntássemos com um porquinho. Huahauahuahauh
Denise – Minha Batata não vai virar esses monstros.
Thays – Já que tocou no assunto, não consigo ouvir o que as plantas sentem.
Lilyan – Ah, sobre a floresta, isso não é nosso trabalho. O pessoal de Química é que cuida dele. Sabe como é.
Hebert – Química? Eles também estão nessa?
Voz Feminina – Já que tocaram no nosso nome, deixem que nos apresentem.
Riba e Hugo – Mais mina!!!
---
De volta ao CPD.
Leonam – Não está sentindo falta de ninguém? Agena, Ganso, Danilo, Kamilão, Sardinha, Rapha, Xitaum. Falta alguém, não falta?
Beto – Keite?
Leonam – O Keite saiu da escola! Falta alguém!
Olhos brilhando azul – Esqueceram-se de mim?
Shindi e Beto dizem juntos – ALEXANDRE?!
Leonam – Hauhauhauha! Isso! Ele por ficar muito tempo parado e dormindo, conseguiu concentrar uma grande força mental, e agora ele está liberando toda ela. E para a honra de vocês, nessa batalha! Huahuahauhauahuah
Xitaum – Pow, agora são 6 contra 5?
Voz misteriosa – Não se eu puder ajudar!
Rapha – Você sempre chega na hora, né?
Xitaum – AEW!
Beto – Conheço essa voz...
Um vulto pula, e com sua capa balançando ao vento, para bem no meio do campo de Batalha.
---
Lab de Química.
Uma menina com cabelo vinho começa se apresentando:
Noély – Sou Noély. E sou a representante do Química. Esses são meus ajudantes: Paca(Felipe), e Camila.
Naldo – Espera, mais uma Camila? Vou ficar confuso.
Camilla – Meu nome se escreve com dois “L’s”, e eu sou morena, e sou do Patologia.
Camila – O meu com um só. E eu sou loira, pelo menos hoje. E eu sou do Química.
Naldo – Tudo bem, agora podem continuar. ^^
Thays – Certo. Meninos, vocês continuam.
Noély – Nada disso. Temos ordens explícitas da professora para que ninguém passe.
Jacqueline – Que professora?
Juliana – Uma que odeia o info.
Hebert – Alguma idéia?
Gabriela – Várias. Vão garotos, passem!
Hugo – São muitas!
Jacqueline – A gente se vira. Vão logo enquanto eu as distraio! Corrente trovão!
A corrente percorre o laboratório e prende Noély, enquanto Dê ainda atordoada com a quimera, não se mexe. Thays parte pra cima da Lilyan, e Gaby com seu martelo tenta golpear a quimera, que se esquiva facilmente.
Jacqueline – O que estão esperando! VÃO!
Riba – Ok, vamos!
Hebert – Boa sorte meninas! Vamos!
Os meninos passam por todas e atravessam a porta de saída do laboratório.
Noély – Acham mesmo que eles passarão?
Jacqueline ainda segurando ela pela corrente.
Jacqueline – O que quer dizer?
Noély – Paca! Camila! Vão atrás deles!
Jacqueline – Esperem!
Noély – A luta agora é entre eu e você!
Com isso na visão de Jacqueline, a vista de Noély começa a ficar turva.
Jacqueline – O que está acontecendo com meus olhos. (e instintivamente recolhe as correntes)
Noély – Você já é caso perdido. Hhuahauhauahuahuh
Gaby ainda se lamenta por errar a quimera.
Gabriela – Ela é rápida.
Dê – Não precisamos nos preocupar com a quimera. Temos que derrota-las.
Lilyan – Quanta arrogância! Acham mesmo que podem nos derrotar?
Juliana – Ainda quero essa cachorrinha. Que fofinha.
Patrícia – Para Ju! Ei Camila, vai dar uma força para o pessoal de Química lá fora. Sabe como subordinados são incompetentes.
Thays – Subordinados?
Patrícia – Eu e a Lylian cuidamos dessas duas barraqueiras. Ju, você e a sua quimera cuidam da Denise.
Juliana – Tudo bem, tomarei cuidado para não feri-la muito.
Lylian – Sua pulguenta luta?
Dê – Ela não tem pulgas! E mais respeito quando falar da Batata!
Juliana – Vamos deixa-las lutar. Flopy! Eu escolho você!
---
Adiante ao Lab de Química, os meninos que passaram se deparam com um enorme roseiral.
Naldo – Nossa... Que lindo.
Camila surge ao lado deles – Até a mais bela flor, tem espinhos.
Hugo babando – Concordo....
Camila – ATAQUEM!
Paca e Camilla saltam e jogam vidros de poções em cima deles.
Riba – Ei que isso?
Hugo – Talvez perfume.
Naldo com o poder da mente, joga esses vidros longe, e caem sobre o tapete de rosas que existe na escadaria. O primeiro vidro, continha um líquido verde, que ao se espalhar, congela as rosas no chão. O segundo, um vidro com líquido rosa, ao atingir o chão, faz as rosas murcharem.
Hugo – É, acho que não era perfume não...
Hebert – Olhem os olhos delas!
Riba – Assim eu me apaixono. ^^
Hebert – É sério! É como se estivessem olhando pro nada.
Hugo – Pensei que elas estavam nos ignorando.
Riba – É, elas sempre fazem isso...
Naldo – Sendo controlados? Por quem? Como?
Hugo – Boa. Só temos que descobrir isso.
Riba – Talvez por algum aparelho, ou mecanismo?
Hebert – Talvez...
Paca – EI! Parem de cochichar e lutem!
Riba – Então tenho um plano...
---
Rodolfo – Keitótoles!
Keite – Dá pra parar de me chamar assim? -_-‘
Beto – Agora a batalha vai ficar emocionante.

(Locutor Chato): Agora a batalha no laboratório vai se estabilizar. Uma luta 6 contra 6. Quem vencerá? Alguém vencerá? Que poder Keite possui? O que mais pode surgir do canivete de Xitaum? Xiii... As meninas encontraram problemas no segundo laboratório. Uma criadora de Quimeras, e outras com poderes ainda ocultos. Os meninos passaram para o próximo laboratório, mas encontraram um desafio para atrasá-los. O que será que essa turma reserva? Eu ouvi bem? Subordinados? Como assim? Qual será o plano de Riba? Sou só eu, ou essa história ta parecendo X-Men com Cavaleiros do Zodíaco, mais Power Rangers, One Piece e Fullmetal Alchemist, tudo junto? Só falta aparecer Naruto por aqui. Não percam o próximo episódio, onde a emoção não vai dar trégua!

Fim da Parte 04
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://rpf.awardspace.com/
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Union Rangers   Hoje à(s) 1:36

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Union Rangers
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» [Galeria] - Aero
» auto union type C 36/37
» [Indicação] Dengeki Daisy

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Paradise Secret :: Fan Service :: Fics e Fanarts-
Ir para: